Podcast CBN

A tristeza não pode ser descartada como sinal de fraqueza

16/04/2021

Mario Sergio Cortella fala sobre lembrança dolorida, a tristeza imensa. Não dá para ofuscar as aflições, não dá para dissimular aquilo que hoje fere a muita gente.

“É necessário cuidar da ética para não anestesiarmos a nossa consciência e começarmos a achar que tudo é normal” Mario Sergio Cortella

Pequenos sinais que podem levar a injustiças e à tirania

15/04/2021

Mario Sergio Cortella faz uma reflexão sobre delito exemplar, a malfeitoria incentivada. Momentos em que se tem aquilo que é malévolo como sendo referência do que seria a prática correta.

Não é uma ameaça, é uma advertência

14/04/2021

Mario Sergio Cortella fala sobre intensidade medonha, o tempo disforme. Muita gente não enxerga a complexidade, o dano e a dificuldade que o momento carrega.

Me engana que eu gosto...

13/04/2021

Mario Sergio Cortella fala sobre engano propositado, a promessa esperada. Será que ainda vale a ideia do me engana que eu gosto? Pessoas que de modo intencional aderem a uma promessa que os enganará, mas ainda assim, as deixam mais serenas.

A lembrança dolorida nos faz refletir, meditar

12/04/2021

Mario Sergio Cortella faz uma reflexão sobre lembrança dolorida, a saudade persistente. ?Situações, pessoas e lugares que antes valiam muito e a gente nem notava?. No momento infernal, a lembrança das pessoas que perdemos é ainda mais dolorida.

Dói ser o que se é, quando o que se é perturba a verdade?

09/04/2021

Mario Sergio Cortella faz uma reflexão sobre imagem autêntica, a visão serena. Cortella destaca, no entanto, que nem para todas as pessoas isso gera uma noção envergonhada. Ele acrescenta que pessoa feliz é aquela que tem satisfação de ser o que é.

O fingimento da bondade para gerar a maldade

08/04/2021

Mario Sergio Cortella fala sobre identidade escondida, a natureza dissimulada. Pessoas em vários campos da vida escondem o modo como são de fato.

O retorno à normalidade parece uma miragem

07/04/2021

Mario Sergio Cortella faz uma reflexão sobre desejo retornado, a miragem persistente. Desejamos sim que a vida seja mais exuberante do que vem sendo, seja muito mais cuidada e protegida do que acaba se tornando.

Muita gente se especializa em antecipar o juízo final

06/04/2021

Mario Sergio Cortella faz uma reflexão sobre advertência atual, a lembrança dolorida. Cortella cita um trecho do romance A Queda, de Albert Camus: não espere o juízo final. Ele se realiza todos os dias.

Algumas pessoas procuram se destacar até mesmo de forma criminosa

05/04/2021

Mario Sergio Cortella faz uma reflexão sobre presença difamada, o escape maldoso. Há pessoas que, para sair da mediocridade, o fará e buscará fazê-lo pagando qualquer preço, no sentido inclusive de natureza ética. Escreveu o marquês de Maricá: a insignificância é tão penosa para os homens que muitos procuram surgir dela de qualquer modo possível, ainda mesmo pelos crimes.